MCALL recruta profissionais “maduros”

O recrutamento pessoal com funções comerciais é, como se sabe, crítico para os resultados das empresas. O sector dos contact center regista em Portugal um notável crescimneto apesar da conjuntura económica, mas nem sempre os operadores realizam capazmente as funções comerciais que lhes são atribuídas.

É neste contexto que a Mcall, o contact center da Brisa, com facturação actual dividida pelas empresas do Universo Brisa (Via Verde, Brisa e Controlauto) e por outras empresas extragrupo, representa um bom exemplo na selecção dos seus recursos humanos.

O que a Mcall tem de especial, para além de ser uma referência na prestação de serviços de call e contact center, é o facto de privilegiar o recrutamento de colaboradores mais velhos (acima dos 50-55 anos), tendo em vista minimizar alguns factores que vêm comprometendo a eficiência desta função: rotatividade (que é grande, comparando com outros sectores de actividade) e que origina custos elevados; o pragmatismo na resistência ao stresse próprio da função, o elevado nível de competências relacionais e, por fim, a assiduidade que, quando mal gerida, resulta em transtornos de difícil resolução. Acrescente-se que os eventuais que os eventuais problemas resultantes da utilização de tecnologias são perfeitamente resolvidos e um potencial maior tempo de aprendizagem largamente compensado. Resultados comerciais, aliados a preocupações sociais, resultam num mix comercial ganhador.

 

Fonte: “Mercator da Língua Portuguesa – Teoria e Prática do Marketing” 16ª edição, pág. 453
Autores: Julien Lévy, Jacques Lendrevie, Joaquim Vicente Rodrigues, Pedro Dionísio